Blog

Vinho branco: conheça as principais características da Chardonnay e Sauvignon Blanc

12 de dezembro de 2016 / por Empório Adega Pelotas / em Blog

chardo

CHARDONNAY

Trata-se de uma cepa capaz de se adaptar a diferentes condições de solo e clima e, por isso, é amplamente cultivada e vinificada. Tanto que se tornou sinônimo de vinho branco, sendo resultado de um cruzamento entre as variedades de uva Pinot Blanc e Gouais.

Acredita-se que os romanos trouxeram a Gouais Blanc dos Bálcãs e que a cepa acabou sendo cultivada por camponeses no leste da França a partir do século III. Em estreita proximidade, crescia a Pinot Blanc da aristocracia francesa, fato que proporcionou ampla oportunidade para as uvas se cruzarem.

Por volta do século XIII, a Chardonnay teria sido reconhecida como variedade vinífera, tendo como seu berço a Borgonha.

É uma uva “maleável” que, além de contar com alta adaptabilidade a diversos tipos de solo e clima, é relativamente neutra, fato admirável para uma uva de tamanha grandeza. Essa característica faz com que se torne um veículo para expressão do terroir onde estiver sendo cultivada e rica matéria-prima para impressão do trabalho e talento dos enólogos.

SAUVIGNON BLANC

A Sauvignon Blanc, por sua vez, é uma uva indefectível e característica – fresca, despojada e sem afetações.

Tem suas origens no oeste da França, especialmente nas regiões do Vale do Loire e de Bordeaux. Por volta do século XVIII, cruzou com a Cabernet Franc para produzir a apreciada Cabernet Sauvignon.

As primeiras mudas de Sauvignon Blanc chegaram à Califórnia na década de 1880 oriundos das vinhas do Château d’Yquem em Sauternes. Na década de 1970, ela foi introduzida pela primeira vez na Nova Zelândia.

Ao contrário da Chardonnay, a Sauvignon Blanc não apresenta boa adaptação a qualquer tipo de clima. De fato, o clima ideal é crucial para se obter equilíbrio entre açúcar, acidez e aroma. Em áreas onde a videira é submetida a temperaturas mais altas, a uva vai amadurecer rapidamente e produzir brancos com sabor maçante e pouca acidez (via http://migre.me/vyIYb).

Agora que você já conheceu um pouquinho mais sobre estas duas “rainhas brancas”, que tal passar aqui na adega para conferir nossos rótulos destas maravilhosas castas? 😉

Deixe uma resposta